Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Guerreiro Backpacker

Guerreiro Backpacker

O QUE SÃO AS GILI ISLANDS?

por Guerreiro Backpacker, em 28.07.16

ss.jpg

 

Antes demais, grande parte das pessoas que desejam ir a Bali têm aquela ideia de que vão encontrar praias paradisíacas aos pontapés. Negativo... Não é isso que vão encontrar minha gente! Bali é uma ilha vulcânica. Logo, areia escura e suja vais encontrar com facilidade, já para não falar de LOTADAS de turistas! Claro que existem excepções e podes encontrar praias lindas se souberes pesquisar. Mas se queres aquele típico "paraiso", Gili Islands é o sitio! Muito perto de Bali, fácil de lá chegar. Surf é para esquecer por aqueles lados...

Gili, significa ilha. Logo as ilhas chamam-se "ilhas ilhas". Confuso? Pouco importa, porque aquilo é lindo para caraças!! Areia branca, água em vários tons de azul, transparente, com uma temperatura ideal. Dos mais belos sítios que visitei.
Vamos então tentar perceber qual delas é mais o teu estilo.

 

As Gili são compostas por 3 ilhas:

 

Gili Trawangan (Gili T. para os amigos)

fg.jpg

 Esta é a maior das 3, é aqui que tudo acontece. Fácil hospedagem para qualquer bolso, desde guesthouses super acolhedoras, hostels baratos ou hoteis de luxo! Com uma noite super agitada, festas até às tantas, muito álcool e com um marmelo a tentar vender-te droga a cada esquina. Sim, as drogas na Indonésia são proibidas e punidas com pena de morte. Mas esquece, nesta ilha NÃO HÁ POLÍCIA, agora já podes imaginar o filme... Mas não te preocupes, em momento algum te vais sentir com medo pela falta de segurança.

 

Gili Air

rrt.jpg

 Nesta ilha estive pouco tempo. Achei que tinha uma boa estrutura, tal como Gili T. Tem imensa oferta de restaurantes e hospedagem mas com muito menos confusão. Se queres um pouco mais de sossego sem aquela loucura de noite, esta ilha é o ideal para ti.

 

Gili Meno

yr.jpg

Aqui vi o melhor pôr do sol da minha vida... Com uma vista sobre o Vulcão Rinjani (Vulcão com quase 4000mts de altura) o céu ganhou umas cores de roxo, com amarelo, vermelho, azul, enfim... Só lá estando. Fiquei literalmente dois dias estendido em frente ao mar sem fazer nada! E acredita em mim, não vais querer sair dali. Aliás, fiz paddle durante 1 horinha só para descargo de consciência. De resto, foi saborear aquele paraíso ao máximo!
Esta ilha é o puro sossego. Sim, tens oferta de restaurantes, hoteis e pousadas, mas muito escassos. Sem dúvida alguma que achei esta ilha a mais bonita das três.




A questão aqui é: Que tipo de viagem queres?

 

                                                                            

 

 

COM POUCOS DIAS DE FÉRIAS SERÁ QUE COMPENSA LONGA DISTÂNCIA?

por Guerreiro Backpacker, em 22.07.16

13838515_10210237729447642_1870768278_o.jpg

 

A resposta é simples, não!

Eu sei que a malta quando marca a sua semaninha de férias a primeira questão que surge é: "Para onde vou?"
E agora está na moda o sudoeste asiático, certo? Ok, eu sei que o estar na "moda" nem sempre é o mais apelativo, queremos fazer coisas diferentes do que a maioria faz mas, neste caso, garanto que é com fundamento. Vale mesmo a pena lá ir! Agora se vale a pena lá ir com poucos dias disponíveis? Não me parece grande aposta.
Se não queres ter aquele tipo de férias, "parece que chegámos ontem, hoje já é tarde e vamos embora amanhã", então não faças uma viagem de 11 horas (que nunca o são) para teres de voltar em 7 dias.

Na minha opinião, para conseguires desfrutar um pouco do lugar, no mínimo tens de ter 15 dias.

Pensem comigo:

Conta com 1/2 dias de viagem para lá, e o mesmo tempo de regresso. Só aí os teus 7 dias ficam reduzidos a 4/5. Se fores para um destino paradisíaco, como a Tailândia ou Filipinas para ficares numa praia, ou resort, achas que compensa? Praias tens logo aqui na nossa vizinha Espanha, com água quente! Não tens interesse em praia, queres cidade como Nova Iorque ou Moscovo? Vais andar constantemente em correria e gastar dinheiro apenas para dizeres aos amigos que lá estiveste.

Conseguiste os 15 dias? Boa!! Agora esquece lá os roteiros de fazer 3 países duma vez, como Laos, Vietnam e Cambodja! Tens 15 dias, escolhe um país, respira e desfruta dele.

"Oh Carlos, mas nem todos conseguem tirar 1 mês de férias como tu!!!"
Concordo. Mas já cometi o mesmo erro e sei que os 15 dias podem servir na perfeição se não tiveres de andar a correr atrás de aviões de 3 em 3 dias!

A Europa tem cidades magníficas! O meu conselho é: Se só tens 7 dias, usa-os por cá. Vão render muito mais, garantidamente.

Que destinos tens para 7 dias?
Conto-te numa próxima. ;)



VIAJA SOZINHO

por Guerreiro Backpacker, em 18.07.16

sk.jpg

 

Arranjar companhia para viajar não é assim tão difícil. Arranjar uma BOA companhia para viajar? Aí a história é outra.
Viajar sozinho continua a ser um enorme tabu para muitos. Oiço dizer que preferem ter companhia para falar, partilhar, ou até por sentirem medo. Gostava já aqui de desmistificar isto, viajar sozinho tem imensas vantagens! Quais? Posso dizer-te já umas quantas que me ocorrem sem ter de pensar muito:

 

Vantagem do anonimato
Ao viajares sozinho tu podes escolher ser quem quiseres. Ninguém te conhece, ninguém tem uma opinião formada de ti, aquela vergonha que muitas vezes podes sentir na presença de amigos, facilmente desaparece e és livre de SER QUEM QUISERES.

 

Aprende a viver contigo
Muitos de nós temos dependência de terceiros. Quer seja de amigos, família ou namorada(o). DEPENDÊNCIA não é bom, seja em que contexto for. Um dia vais ter de te safar sozinho e nada como uma viagem de mochila às costas para te preparar para isso.

 

Conhece mais pessoas

Se reparares, quando estás em grupo, é natural que se fechem muitas vezes em conversas que vos tiram a atenção de tudo o que se passa em redor. Perdes assim imensas oportunidades de travar conversas com pessoas, que na tua rotina, nunca irias ter a sorte de encontrar.

 

És timido?? Deixas de ser
Senão queres ficar num canto a noite toda, obrigatoriamente vais ter de te soltar e interagir com pessoas. Nos primeiros dias pode até ser muito complicado se o teu grau de timidez for estupidamente alto, mas isso vai acabar por desaparecer. Acredita, eu sei! ;)

 

Vê com outros olhos
Ao viajares sozinho vais reparar muito mais nas pessoas e lugares.Vais dar por ti a observar as pessoas na rua, apanhar muito mais promenores e particularidades das culturas. De certeza que vais ser muito mais detalhista.

 

Apaixona-te

Aqui vai ser uma grande oportunidade de conheceres alguém na mesma situação que tu. Que partilhe os mesmos interesesses ou até que seja completamente diferente de ti, mas que te cative de uma forma única. Pode ser um caso intenso e curto, ou tornar-se em algo mais forte com compromisso. Mas garantidamente vais-te apaixonar por pessoas e lugares!

 

Desliga-te do mundo

Desliga o telemóvel, tablet, desconecta do mundo por um tempo. Esquece as responsabiliades, o trabalho, as contas, as discussões e chatices. Desfruta da viagem e da TUA companhia.
Vais ter ideias novas, pensamentos renovados e voltar com a bateria recarregada.

 

Não deixes de viajar e seguir os teus objectivos por não sentires confiança em ti. E não esperes por ninguém. Vai assim mesmo!

 

1 dia turístico em Ubud (INDONESIA)

por Guerreiro Backpacker, em 15.07.16

bv.jpgTegalalang Rice Terraces

 

 Ao contrário do que se pensa, Bali é muito mais do que um destino com praias!
Mas isso é assunto para outra altura. Neste post quero apenas ajudar-te com umas pequenas dicas de como planear um dia em cheio em Ubud!
Antes de mais, prepara-te porque vais ter de "gramar" com turistas, praticamente, todo o dia e se fores como eu vais-te irritar solenemente quando andares na odisseia de tirar uma foto sem ninguém a atrapalhar! (selfies sticks já me tiram do sério) AINDA ASSIM, vale a pena! ;)

Aconselho-te a alugar mota ou carro. Não tens carta ou simplesmente não queres arriscar conduzir naquele caos, que eles chamam trânsito, negoceia com um taxista um bom preço para te transportar durante todo o dia.

 

4 sítios que podes conhecer num só dia:

 

 Plantação de chá e café - Aqui podes conhecer todo o precesso de preparação do café Kopi Luwak, inclusive podes provar todas as variedades de café e chá que desejares totalmente GRÁTIS!


Tegalalang Rice Terraces - Estes são os mais famosos campos de arroz de Bali. Aqui podes encontrar uma vista espectacular com panoramicas que podem resultar em grandes fotos.

 

Tampak Siring (Holy Spring Water Temple) - Neste templo Hindu a principal atração, onde vais encontrar milhares de turistas , são 13 fontes que ficam numa espécie de tanque, que segundo a lenda, purificam a alma e afastam as más influências. Se acreditas ou não é contigo. Eu passei por lá, molhei-me nas primeiras 11, as últimas duas são para rituais funebres, fiz a reza tal como me ensinaram, soube-me pela vida porque a água é gelada e estava um calor de meio-dia a cortar respirações. Aconselho pela experiência.

 

Sacred Monkey Forest (Floresta dos macacos) - Este é mesmo um daqueles sítios obrigatórios em Bali. É extremamente interessante interagires com a macacada que lá anda (os animais peludos, não as pessoas) Aviso-te para que tenhas muita atenção a objectos de valor, como câmeras de vídeo, telemovéis, carteiras, etc... Porque eles são uns maozinhas do caraças. Vi alguns furtos bem sucedidos enquanto lá andei. A entrada é super barata, por volta de 2€ senão me engano e por dentro tens sítios brutais.



Em breve falarei um pouco mais sobre cada um destes sítios. Por enquanto é só uma espécie de roteiro de um dia bem aproveitado em Ubud (Bali)!





 

Vais viajar sem seguro? Tens a certeza??

por Guerreiro Backpacker, em 12.07.16

                                                                               

f.jpgKhao San Road - Tailândia

 

Andava eu pelas Phi Phi Islands (Tailândia), na véspera do meu aniversário, quando sofri uma intoxicação alimentar!

Não, não foi a comer aquela suculenta barata, nem escorpião frito ou gafanhoto. Passei grande parte dessa viagem a comer de tudo um pouco. Comi em bancas de rua, bons e maus restaurantes, comi em bares, jantei em mercados que nem dá para descrever sem chocar, enfim... Isto tudo sem sofrer sequer a miníma cólica.
Naquela noite, ocorreu-me experimentar algo diferente... "spaghetti bolognese"!!
Exacto, a bela da esparguete à bolonhesa, que num país como a Tailândia, deve ter tanta saída como cobra guisada no Alentejo! Resumindo da melhor forma possível, a noite da véspera do meu aniversário foi passada entre vómitos e camas de hospital.
Até aqui tudo bem... Sim, eu sei, é chato apanhar um vírus destes, mas nada que uma noite bem dormida e canja de galinha não resolva. O verdadeiro problema aqui foi mesmo o facto de NÃO TER SEGURO!!! Tive de pagar uma quantia choruda, que até hoje mexe comigo só de lembrar. E nesta situação, não existe aquela opção de "ah e tal, manda a conta para casa!"... Não, my friend, ali ou pagas na hora ou temos pena. E estou a falar apenas de uma simples intoxicação alimentar. Nem quero imaginar se tivesse de fazer uma cirurgia!
Certas pessoas conseguem aprender com os erros, e eu sou uma delas! ;)

Não, não é só no Sudoeste Asiático que corres riscos! Vais para a Austria fazer snowboard, cais, partes-te todo e não te consegues mexer. Precisas de ser evacuado de helicóptero... Como é? Quando receberes a conta no hospital, até choras!


Outro ponto importante, não pagues por um seguro de viagem sem primeiro leres atentamente a apólice. Não te adianta muito levares contigo um seguro que não te vai cobrir na totalidade qualquer tipo de assistência de que possas necessitar.
Com casos reais de portugueses não encontrei nada, mas deixo-te aqui um video com testemunhos de alguns brasileiros que te podem ajudar a entender melhor o que te quero transmitir.
https://www.youtube.com/watch?v=Lk74dL9Ote0

 

 

 

Qual o melhor seguro para backpackers?

De tudo aquilo que já pesquisei na internet, o melhor que encontrei é indiscutivelmente o World Nomads. O único senão, é ser tudo em inglês. Por isso se tens dificuldade com a lingua e não tens quem te possa ajudar a traduzir, sugiro que procures algo em Português.

 

 

Deixo-te aqui o link:
https://www.worldnomads.com/?affiliate=comfort&subId=&affiliateTrackingId=6153ec336b6c4cb4a4a9e46ef3941415&utm_source=comfort&utm_medium=affiliate&utm_campaign=Affiliate&utm_content=link




 NÃO ARRISQUEM viajar sem seguro, não vale mesmo a pena.


 

 

10 MOTIVOS PARA VIAJAR DE MOCHILA

por Guerreiro Backpacker, em 09.07.16

 

n.jpg

1º Prático

 Viajar implica caminhar kms... Nunca irás conseguir faze-lo de uma forma prática se tiveres de carregar contigo o guarda-roupa em rodinhas!

2º Check in online

 Imagina o tempo que poupas se não tiveres de despachar bagagem de porão... A maioria das companhias aéreas não implica com o facto de trazeres contigo bagagem de mão até 60/70lts. Nunca tive problemas, e olha que já vim com mochilas a rebentar pelas costuras no regresso a casa.

3º Multi-estações 

 Não importa o destino ou clima que apanhes porque, mesmo que te encontres em pleno temporal, toda a tua bagagem estará segura e protegida. Podes encontrar uma variedade enorme de mochilas impermiavéis ou capas de proteção à venda em lojas de desporto ou campismo.

 

4º Viagem leve

 Obrigatoriamente irás carregar pouco peso contigo, simplesmente porque mesmo que queiras levar a casa às costas, NÃO CABE! :)

 

5º Aprendes a viver com pouco 
 Este ponto vai de encontro ao 4º. Se levares contigo apenas o mais importante para ti, acredita que te irás sentir muito mais livre e com menos preocupações.

6º Facilita na escolha de estadia 
 Se carregares apenas uma mochila, podes ir onde queres, quando queres! Muitas vezes vais dar por ti em sítios do caraças sem o teres planeado. Grande parte da essencia de ser um backpacker passa por aí...

 

7º Fazer amizades

 Concerteza irás conhecer dezenas de pessoas na mesma condição que tu. E se viajares sozinho nunca te irás sentir dessa forma.
Já travei grandes amizades com pessoas de todo o mundo, "à pala" disto.

8º Aprendes a viver com os locais

 Esta é, sem dúvida, uma das principais razões que me move a viajar desta forma. Dás por ti no meio de pessoas com uma cultura totalmente diferente da tua, com imensas coisas para te ensinar e dispostos a aprender contigo é altamente enriquecedor.

9º É mais barato

 MUITO MAIS BARATO

 

10º As histórias

 Não conheço ninguem que no fim de uma viagem de mochila às costas não traga histórias incríveis e de fazer inveja a qualquer comum dos mortais. Experimenta se não acreditas!!

Intro

por Guerreiro Backpacker, em 08.07.16

 

 

 

 

 

 

Este blog nasce de uma ideia de partilhar toda a vivência inerente a uma viagem, essencialmente tudo aquilo que precisas de saber de quem o faz apenas de mochila às costas. 

 

Partilho contigo uma das minhas fotografias preferidas, tirada em Gili Trawangan (Gili Islands), Indonesia.

cg.jpg

 

Esta imagem não simboliza, de todo, o que podes esperar encontrar nesta ilha. 
A paz e serenidade aqui capturadas dão, na realidade, lugar a um dos sítios mais frenéticos de toda a Indonésia, que diariamente recebe backpackers de todo o mundo, na expectativa de viver noites, no mínimo, inesquecíveis. 
De futuro partilharei muito mais particularidades desta magnífica ilha e não só.

Volto já...

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Tags

mais tags